Boas maneiras nas redes sociais

Sábado, 01 de Setembro de 2018.

Boas maneiras nas redes sociais

Há tempos, foi dada a largada para o pleito eleitoral 2018/2022. Com os debates televisivos dos candidatos, entretanto, os ânimos ficaram acirrados e postagens desrespeitosas nas redes sociais vêm ganhando cada vez mais força.
Nestes momentos de intolerância, vale lembrar que, embora de lados opostos no que concerne ao melhor modo de governar o país, o desejo de todos é (ou deveria ser) comum: uma sociedade mais justa, livre, ética e igualitária. Tais sentimentos, claro, devem ter início no respeito ao próximo e em suas opiniões. Algumas regrinhas de boas maneiraspara convívio positivo e saudável no ciberespaço, portanto, são muito bem-vindas à época. Vejamos:
- Quando for expressar opiniões, defenda seu ponto de vista sem agredir quem pensa diferente de você.
- Não compartilhe o que não tem certeza.
- Evite barracos. Desabafos constantes nas redes também não são a melhor alternativa.
- Indiretas quase sempre têmefeito indesejado. Você manda um “recado” para a “Maria” e atinge “João”, que responde indignado. O resultado é devastador.
- Moderação é bom na hora de “marcar” os contatos nas postagens, sobretudo em assuntos polêmicos.
- Quem usa as mídias digitais comercialmente pode perder clientes por conta de mensagens ofensivas. Todo cuidado é pouco.
# RESPEITO #BOMFIMDESEMANA

Por Daniele Barizon

Crédito da Foto: Divulgação

B01 - 728x90