ÚLTIMAS NOTÍCIAS
ÚLTIMAS

Cuidado com a maneira que calcula o seu futuro

Quinta, 09 de Janeiro de 2020.

  O ano está começando e aos poucos ele vai deixando de ser novo. Afinal, tudo vai voltando à rotina. Vamos seguindo a nossa vida, quer seja com os afazeres de casa, do trabalho, do dia a dia. E aos poucos vamos encontrando e reencontrando amigos, conhecidos. E nesses encontros percebemos que por mais que tentamos fazer planos, não somos detentores da nossa vida, do nosso destino. Quantos planos fazemos ao longo dos anos e até mesmo no nosso dia a dia? Quem pode garantir que eu ou você estaremos vivos daqui a alguns minutos ou mesmo no próximo ano? Nossa vida é incerta, não temos controle sobre o nosso futuro. Por mais que busquemos investir, planejar a nossa vida, não sabemos de fato o que irá acontecer. E isso não aplica apenas ao fato de não estarmos vivos. Muitos devem conhecer a história de uma famoso playboy que vivia da renda e do patrimônio deixado pela família. Ele herdou uma fortuna enorme, incalculável que não precisa trabalhar e nem precisava se preocupar em aumentar a fortuna. Afinal, o valor era incalculável. Dessa forma, ele teria dinheiro para viver muito bem e mesmo depois de morto o dinheiro ficaria. E como não tinha herdeiros e nem pensava em deixar sua fortuna para ninguém o playboy, se achando esperto e que poderia prever o futuro, procurou uma forma de calcular quanto tempo viveria. Após calcular quantos anos viveria ele resolveu viver de uma forma que gastasse toda a sua fortuna em vida. Só que ele não contava que os seus planos podiam dar errado. E foi o que aconteceu. Ele falou toda a fortuna achando que sabia quanto tempo viveria. Mas ele viveu bem mais que tinha calculado. E por isso, viveu o tempo de vida que teve pela frente na mais absoluta miséria.

Por Suzane Ferreira

B01 - 728x90