Nem sempre o amanhecer é lindo

Sábado, 27 de Janeiro de 2018.

Nem sempre o amanhecer é lindo

Cada um de nós tem um amanhecer diferente. Bem humorado, mal humorado, alegre, triste, saudoso, animado, desanimado, arrependido, preocupado. Em fim, nada é igual. Mas, aos poucos tudo vai se modificando. As emoções vem à tona mexendo com o imaginário de cada um. Aquele olhar que parecia tão distante, de repente se aproxima e abre a tela da mente, revivendo momentos agradáveis.
Aquela saidinha matinal para ir a padaria costuma ser um bom começo quando se encontra com alguma pessoa conhecida que sempre tem uma novidade para contar ou mesmo ,sorrateiramente ,bisbilhotar a sua vida e, ao se despedir, saca o celular da bolsa e abre o Whatsaap para enviar sua mensagem. ”Menina, você nem pode imaginar quem eu encontrei hoje cedo na padaria. Sabe a Maria, aquela que na semana passada deu o maior vexame no Salão, esculachando com o cabelereiro que escureceu suas madeixas
— “Coitada”, responde na mensagem a amiga. Ela teve razão de sobra, mas também não precisava arrancar a peruca do cara. Teria sido menos traumático se ela tivesse dado uma bicuda no “passarinho” dele.” Será que um dia ela vai voltar no “Salão do Careca”?. Vejam vocês, ela mudou até o nome do salão.


POR FAVOR, ”MADEIXA” EM PAZ

Por Carlos Letra

B01 - 728x90