Vamos falar sobre marketing digital?

Sábado, 09 de Novembro de 2019.

Atualmente, com a oferta de produtos e serviços aumentando a cada dia – o que potencializa a concorrência e beneficia o cliente – é imprescindível às empresas e profissionais ocuparem espaço na web. Mas engana-se quem pensa que basta ter uma conta no Facebook e no Instagram para atrair bons resultados. É preciso, sobretudo, planejar o passo a passo com cautela. E, claro, valer-se das ferramentas do marketing digital.
Mas o que é marketing digital? Nada mais que os princípios do marketing adaptados ao mercado www (word wide web), tais quais: público-alvo; posicionamento; missão, visão e valores; e análise macro e microambiente.
Uma vez que temos base destes princípios, podemos seguir para as estratégias que devem ser consideradas no planejamento, para escolher as ferramentas que melhor se adequam à marca ou produto a ser divulgado: e-mail-marketing; landing page; marketing de conteúdo; técnicas de SEO; sistema de gerenciamento de conteúdo; e monitoramento de redes sociais, dentre outros.
Vamos falar, rapidamente, sobre cada uma delas:
E-mail marketing: prática antiga, mas que ainda traz resultados efetivos, se utilizada da maneira correta. Consiste no disparo de e-mails para um determinado público, seja da base de contatos ou gerados de outra maneira.
Landing page: página de ‘aterrissagem’ que possui todos os elementos voltados à conversão do visitante em lead, ou seja, cliente em potencial. Contém pouca informação. Podem trazer ofertas e brindes, como tutoriais e e-books que, para serem acessados, solicitam informações de contato como nome, e-mail e telefone.
Marketing de conteúdo: trata-se de atrair clientes por meio da produção de conteúdo relevante gratuito, agregando valor, gerando credibilidade e criando uma percepção positiva sobre a marca. O tipo de dado que a empresa compartilha deve estar relacionado ao que vende ou ao que acredita.
Técnicas de SEO: busca aumentar os acessos através de estratégias que permitam ao site ou blog melhorar seu posicionamento nos buscadores, gerando tráfego e autoridade para a pagina.
Sistemas de gerenciamento de conteúdo: usado para editar e publicar conteúdo em plataformas digitais, adicionando, modificando e removendo-o sem o conhecimento de linguagem de programação. Pode incluir imagens, áudios, documentos e vídeos.
Monitoramento de redes sociais: significa prestar atenção ao que os usuários estão falando sobre a marca e produtos similares nas mídias digitais, identificando crises e oportunidades.
Voltaremos ao assunto, nas próximas semanas, detalhando cada uma destas ferramentas.
#BOMFIMDESEMANA
Daniele Barizon




Por Daniele Barizon

B01 - 728x90