Cidades da região têm aparecimento de escorpiões e registros de picadas

UPA de Três Rios disponibiliza o soro em acidente com o peçonhento

Região - (Saúde) - Sábado, 12 de Janeiro de 2019.

Cidades da região têm aparecimento de escorpiões e registros de picadas

Com a chegada do verão, o aparecimento de escorpiões é mais frequente por causa do clima úmido e quente. Segundo dados preliminares divulgados ontem (11) pelo Ministério da Saúde, em 2018 foram registrados 141,4 mil acidentes com escorpiões, quase 50 mil casos a mais do que em 2016.
Também em 2016, 115 pessoas morreram por picada de escorpião e em 2017 foram 88 mortes registradas pelo mesmo motivo. Quanto aos números do ano passado, o Ministério da Saúde informa que o cálculo é feito dois anos depois do ano de referência.
Nas cidades da região não houve morte, mas foram registrados 26 casos de acidente com escorpião em Três Rios. Paraíba do Sul informou que a Vigilância Ambiental/Zoonoses e Vetores não foi comunicada de nenhum caso. Comendador Levy Gasparian teve um acidente com picada de escorpião. Areal não passou a quantidade de casos, apenas informou que houve poucas vítimas. Em Sapucaia, quatro acidentes leves ocorreram.

Três Rios
Existe registros de casos de aparecimento de escorpiões?
De acordo com o setor de coordenação de Vigilância em Saúde e Epidemiológica de existem alguns casos.
Quais os tipos de escorpiões encontrados?
Amarelo - TityusSerrulatus
Tem caso de alguma vítima por picada de escorpião?
Sim, 26 casos.
Tem caso de morte devido a picada?
Não.
Há Soro disponível no município?
Sim, o soro encontra-se disponível na UPA.
O atendimento imediato deve ser feito onde?
Deve ser feito na UPA.
Se caso a pessoa encontrar o escorpião em casa, qual procedimento deve ser feito?
Pode fazer contato com a Vigilância Ambiental pelo telefone 2255-7195.

Paraíba do Sul
Existe registros de casos de aparecimento de escorpiões?
Segundo a coordenação de Vigilância Ambiental/Zoonoses e Vetores há sim aparecimentos de escorpiões na cidade.
Quais os tipos de escorpiões encontrados?
Amarelo - TityusSerrulatus
Tem caso de alguma vítima por picada de escorpião?
Não.
Tem caso de morte devido a picada?
Não.
Há Soro disponível no município?
Com a polarização de locais que possuem os soros contra peçonhentos, ou seja, com a criação de Polos para o atendimento a alguma vítima que foi picada por algum animal peçonhento, a população de Paraíba do Sul, deve se dirigir ao polo mais próximo para receber o devido atendimento. Nesse caso, na UPA-24 na cidade de Três Rios.
O atendimento imediato deve ser feito onde?
É importante que a pessoa que foi picada por escorpião ou qualquer outro animal peçonhento, seja levada o mais rápido para o polo de sorologia, que no caso é a UPA-24 horas em Três Rios.
Se caso a pessoa encontrar o escorpião em casa, qual procedimento deve ser feito?
Pode acionar a Vigilância Ambiental/Zoonoses e Vetores de Paraíba do Sul pelo telefone 2263-4751.

Levy Gasparian
Existe registros de casos de aparecimento de escorpiões?
Segundo informações da Secretária de Saúde há registro de aparecimentos.
Quais os tipos de escorpiões encontrados?
Escorpião Amarelo- Tityusserrulatus.
Tem caso de alguma vítima por picada de escorpião?
Sim, um caso.
Tem caso de morte devido a picada?
Não.
Há Soro disponível no município?
Não. A recomendação em caso de picada é encaminhar o paciente para UPA de Três Rios, referência para aplicação do soro contra a peçonha.
O atendimento imediato deve ser feito onde?
Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospital no de Clinicas Nossa Senhora da Conceição, ambos na cidade de Três Rios.
Se caso a pessoa encontrar o escorpião em casa, qual procedimento deve ser feito?
Para se comunicar o setor de Zoonoses indo até à Unidade de Saúde Bento Argon, localizada a estrada União Industria km, nº 132 ou ligar para a Policlínica no 2254-1099.
Areal
Existe registros de casos de aparecimento de escorpiões?
De acordo com a coordenação de Vigilância em Saúdesim, existem alguns casos de aparecimento de escorpiões.
Quais os tipos de escorpiões encontrados?
Escorpião Amarelo- Tityusserrulatus.
Tem caso de alguma vítima por picada de escorpião?
Sim, poucas vítimas.
Tem caso de morte devido a picada?
Não.
Há Soro disponível no município?
Em 2016 foi estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde a regionalização do mesmo e por este motivo o soro é disponibilizado na UPA de Três Rios.
O atendimento imediato deve ser feito onde?
No Hospital Municipal Nossa Senhora das Dores, localizado na Avenida Presidente Vargas, 250, no Centro de Areal.
Se caso a pessoa encontrar o escorpião em casa, qual procedimento deve ser feito?
Se for possível, capturar o animal e levá-lo até a Vigilância na SMS, comunicando ao setor para que possa ser realizado a dedetização com veneno especifico.
Sapucaia
Existe registros de casos de aparecimento de escorpiões?
Segundo a Secretária de Saúde, foram registrados nove casos de aparecimento de escorpião nos últimos 30 dias.
Quais os tipos de escorpiões encontrados?
Escorpião Amarelo- Tityusserrulatus e Escorpião Marrom - Tityusbahienses
Tem caso de alguma vítima por picada de escorpião?
No último mês foram registrados quatro acidentes leves.
Tem caso de morte devido a picada?
Não.
Há Soro disponível no município?
O polo de referência é a UPA de Três Rios.
O atendimento imediato deve ser feito onde?
A pessoa que sofrer o acidente deve que ir o mais rápido possível para o pronto socorro municipal.
Se caso a pessoa encontrar o escorpião em casa, qual procedimento deve ser feito?
Em Sapucaia a população pode entrar em contato com a vigilância em Saúde pelo telefone 2271-1167 ou 2271-1200 (pronto socorro municipal). Em dias úteis pode entrar em contato com o PSF mais próximo ou diretamente com o Agente de combate a endemias na área.

Habitat dos escorpiões
Este tipo de animal peçonhento costuma se abrigar em esgotos, entulhos e locais próximos a áreas com acúmulo de lixo e se alimentam principalmente de baratas, por isso é importante ter hábitos simples para prevenir acidentes.
Como evitar acidentes com escorpiões
- Use telas em ralos no chão, pias e tanques;
- Procure vedar possíveis frestas nas paredes e colocar soleiras nas portas;
- Afaste camas e berços das paredes;
- Faça uma checagem em roupas e sapatos antes de vestir ou calçar, para se certificar de que nenhum inseto entrou;
- Mantenha jardins e quintais livres de entulhos, folhas secas e lixo doméstico;
- Guarde o lixo da casa em sacos bem fechados, pois os resíduos podem atrair baratas, que servem de alimento para o escorpião;
- Mantenha a grama aparada;
- Evite colocar a mão em buracos, embaixo de pedras ou em troncos apodrecidos;
- Use luvas e botas para manusear entulho e materiais de construção, por exemplo;
- Se morar em área rural, procure preservar os predadores dos escorpiões: lagartos, sapos, e aves noturnas, como as corujas;
- Evite usar pesticidas, pois eles não têm eficácia comprovada para controlar o animal em ambientes urbanos.
Fonte: G1


Populações mais expostas
Os grupos considerados mais vulneráveis são os trabalhadores da construção civil, crianças e pessoas que permanecem maiores períodos dentro de casa ou nos arredores e quintais. Ainda nas áreas urbanas, estão sujeitos os trabalhadores de madeireiras, transportadoras e distribuidoras de hortifrutigranjeiros, por manusearem objetos e alimentos onde os escorpiões podem estar alojados.
Sintomas da picada
A grande maioria dos acidentes com escorpiões é leve e o quadro local tem início rápido e duração limitada. Os acidentados apresentam dor imediata, vermelhidão e inchaço leve por acúmulo de líquido, piloereção (pelos em pé) e sudorese (suor) localizadas, cujo tratamento é sintomático.
As crianças abaixo de sete anos apresentam maior risco de apresentar sintomas longe do local da picada, como vômito e diarreia, principalmente nas picadas por escorpião-amarelo, que podem levar a casos graves e requerem a aplicação do soro em tempo adequado.
Soro
É importante lembrar que não é em todo caso de acidente que o soro será indicado, e apenas o profissional de saúde poderá fazer essa avaliação. O antiveneno é indicado em casos moderados ou graves. Limpar o local da picada com água e sabão pode ser uma medida auxiliar, desde que não atrase a ida ao serviço de saúde.
Os casos leves, que não necessitam da aplicação do antiveneno, representam cerca de 87% do total de acidentes.
Fonte: Ministério da Saúde
 

Por Aline Carius

Publicidade
AMARO 728x90 17C12
200 produtos com 50OFF - 300x250