Clube de Leitura traz para análise a obra A Vegetariana – Han Kang

Três Rios - (Cultura) - Sexta, 23 de Agosto de 2019.

Clube de Leitura traz para análise a obra A Vegetariana – Han Kang

A Vegetariana, da sul-coreana Han Kang, tem sido apontada como uma das obras literárias mais importantes da ficção contemporânea – e uma introdução à fecunda literatura produzida na Coreia do Sul. Dessa vez o Clube de Leitura terá esse livro como destaque sobre a mediação de Aline Guimarães no mesmo espaço de sempre, a livraria Favorita, no 2º andar do Shopping Américo Silva, no Centro de Três Rios.
A entrada é gratuita e acontece dia 12 de setembro, quinta-feira, às 19h30. A dica é que o leitor já vá se preparando e leia a obra para no dia debater junto de todos os membros.

Conheça mais sobre a obra lendo um trecho a seguir:
“…Eu tive um sonho”, diz Yeonghye, e desse sonho de sangue e escuros bosques nasce uma recusa vista como radical: deixar de comer, cozinhar e servir carne. É o primeiro estágio de um desapego em três atos, um caminho muito particular de transcendência destrutiva que parece infectar todos aqueles que estão próximos da protagonista. A vegetariana conta a história dessa mulher comum que, pela simples decisão de não comer mais carne, transforma uma vida aparentemente sem maiores atrativos em um pesadelo perturbador e transgressivo. Narrado a três vozes, o romance apresenta o distanciamento progressivo da condição humana de uma mulher que decidiu deixar de ser aquilo que marido e família a pressionaram a ser a vida inteira. Este romance de Han Kang tem sido apontado como um dos livros mais importantes da ficção contemporânea. Uma história sobre rebelião, tabu, violência e erotismo escrita com a clareza atordoante das melhores e mais aterradoras fábulas. Esta tradução, diretamente do coreano, restitui o estranhamento da obra original.

Por Zeca Lima

Crédito da Foto: Divulgação

Publicidade
4 itens por 199
4 itens por 199