Com o enredo “Arte e Vida Vitalina”, Bom das Bocas visa o bicampeonato

Três Rios - (Entretenimento) - Quinta, 28 de Fevereiro de 2019.

Com o enredo “Arte e Vida Vitalina”, Bom das Bocas visa o bicampeonato

A série especial referente as quatro agremiações que vão desfilar no Grupo A do Carnaval trirriense, apresenta nesta quinta-feira (28) a terceira escola a entrar na Avenida Condessa do Rio Novo, a atual campeã do Carnaval trirriense, Bom das Bocas.

Criada em 6 de janeiro de 1963, como “Bloco Carnavalesco Bom das Bocas”, a verde e branco surgiu através um grupo de amigos sambistas, que tinha o intuito de animar a comunidade do bairro Caixa D’ Água, em Três Rios.

Porém, o bloco cresceu e seus fundadores resolveram transformá-lo em escola de samba e no ano de 1972 a agremiação estreou como Grêmio Recreativo Escola de Samba Bom das Bocas, sagrando-se campeã no primeiro desfile oficial das escolas de samba de Três Rios.

Hoje, o Bom das Bocas, que é a mais antiga escola em plena atividade em Três Rios e uma das potências do Carnaval trirriense, sendo detentora de 15 títulos, desfila em busca do bicampeonato em 2019 com o enredo “Arte e Vida Vitalina”, do carnavalesco Júnior Pernambucano.

Com quatro setores, no primeiro a agremiação vai mostrar a infância de mestre Vitalino, os bonecos que ele começou a moldar, como bois, cavalos e o nascer do barro. No segundo, o público vai ver as raízes da terra do homenageado, o sertão, a seca e a religiosidade do nordestino.

Em seu terceiro setor o Bom das Bocas vai retratar a Feira de Caruaru, que é conhecida por ter tudo para vender. A terceira alegoria está sendo confeccionada para se tornar uma grande feira. Já no quarto e último setor, as festanças do nordeste, entre elas a quadrilha, bumba meu boi e até o próprio Carnaval vão fechar o desfile da atual campeã.

A bateria Furiosa de mestre Brunão vai passar pela avenida representando o cangaço. A fantasia da rainha Iara Oliveira não foi revelada, mas o diretor de carnaval Guilherme Novaes, adiantou que a roupa tem uma representatividade forte dentro do enredo.

“Quem for assistir o desfile pode ter certeza que vai ver um Bom das Bocas grandioso, com elementos simples e de fácil entendimento para o público e para os jurados”, disse Guilherme.
A comissão de frente mista formada por 13 componentes e coreografada por Caíque Bonforte, segundo o diretor de carnaval, tem um trabalho diferenciado tanto no corporal quanto no cênico e quem for para a passarela do samba, vai sentir o quanto essa comissão representa o enredo.

“Vamos entrar na avenida como campeões e vamos sair dela como bicampeões. Mesmo com todos os erros, acertos e dificuldades, vamos erguer o troféu mais uma vez. Quero agradecer a equipe do barracão, a presidência, a diretoria, ao carnavalesco, aos componentes e todos que de alguma forma estão colaborando para que possamos brigar pelo título”, ressaltou o diretor de carnaval, Guilherme Novaes.

Com previsão de desfilar por volta de 00h, ou seja, já na madrugada de segunda-feira (4), o Bom das Bocas vai contar com aproximadamente 800 componentes, 13 alas e quatro carros alegóricos para enaltecer o mestre Vitalino e conquistar notas 10.

Com 90% das fantasias prontas e sendo entregues, ainda há vagas para desfilar e quem tiver interessado pode se dirigir ao barracão, que está funcionado no antigo Social Olímpico (Rua da Santa Matilde) e procurar por Guilherme.

Para colocar a escola na rua, 20 pessoas estão trabalhando 24 horas de segunda a segunda no barracão, que vai finalizar o processo de aprontamento das alegorias no sábado (2).

“Estamos próximo de encerrar um ciclo de muito trabalho e esforço da comunidade, do barracão, diretores e colaboradores. Apesar da dificuldade financeira, este foi bem complicado, mas até do que ano passado, com todo respeito às coirmãs, vamos apresentar um Carnaval bonito e para vencer. Agora é hora de juntar as forças para finalizar o trabalho e se Deus quiser coroá-lo com o bicampeonato. Agradeço muito a todos que estão nos ajudando e conto com a presença de nossos torcedores e da comunidade no desfile”, disse o presidente Valdô Santos.


Por Aline Carius

Crédito da Foto: Aline Carius

Publicidade
4 itens por 199
B03 - 300x250