Cultura e comunicação de Três Rios perdem Zé Mauro

Apaixonado pela arte, seu último trabalho foi a peça “Esquina do Brasil”

Três Rios - (Cotidiano) - Sábado, 05 de Janeiro de 2019.

Cultura e comunicação de Três Rios perdem Zé Mauro

Faleceu ontem (4), no hospital de Vassouras, vítima de uma parada cardíaca causada por endocardite infecciosa, aos 59 anos,José Mauro Fernandes,mais conhecido como Zé Mauro, que era diretor, autor, ator teatral, compositor, poeta, repórter e locutor de rádio.

Zé Mauro sempre esteve ligado à cultura de Três Rios, era apaixonado pelo carnaval e recentemente escreveu e atuou na peça “Esquina do Brasil”, que retratava os bastidores de uma escola de samba. O espetáculo foi apresentado no Teatro Celso Peçanha.

Em nota o Teatro Celso Peçanha lamentou a morte de Zé Mauro. “Hoje, faleceu o amador José Mauro Fernandes - que todos por aqui conheciam como "Zé". Nós só somos o grupo de amadores teatrais mais antigo do país porque pessoas, assim como ele, se dedicam para transformar sonhos em peças de teatro.Obrigado por todos os anos que esteve conosco, nós lembraremos para sempre do seu amor pela arte, pelo teatro e pelo Grupo de Amadores Teatrais Viriato Corrêa (GATVC). Toda peça uma hora chega ao fim, por isso ficam aqui os nossos agradecimentos e o nosso eterno aplauso”.

Por alguns anos, Três Rios acordou com a voz de Zé Mauro, que foi âncora do programa Vanguarda da Comunicação da Rádio Três Rios, que também apresentou o Casos de Polícia na mesma emissora e trabalhou como repórter na Rádio FM107 e na 87 FM.

“O Zé Mauro foi um grande amigo da vida e de trabalho. Tive a honra de apresentar o Casos de Polícia ao lado dele, que sempre tinha algo a acrescentar aos ouvintes. Gostava de ler jornais e uma de suas paixões era acompanhar "artigos". Fiquei muito triste ao saber de seu falecimento. Meus sentimentos a família, e que ele descanse nos braços de Deus, pois era uma pessoa do bem”, disse Ricardo Mendes.

Como repórter policial, também prestou serviço ao Entre-Rios Jornal por muitos anos, contribuindo com informação de um noticiário diário sobre as ocorrências de Três Rios e região. Em novembro de 2018 foi homenageado pela Câmara de Vereadores pela direção da peça teatral Esquina do Brasil, que foi citada acima.

Nas redes sociais várias pessoas postaram mensagens de pesar e renderam suas últimas homenagens a Zé Mauro.

Muito querido, Zé Mauro, que também gostava de política e de bater um bom papo, deixa a esposa Suely Santiago, o filho Tiago Fernandes e duas netas. Seu corpo está sendo velado na Capela Mortuária do Cemitério Municipal São José, em Três Rios e seu sepultamento acontece hoje (5), às 10h, na mesma necrópole.

Por Aline Carius

Publicidade
4 itens por 199
160X600jpg