ÚLTIMAS NOTÍCIAS
ÚLTIMAS

Semana promete vários recordes de baixa temperatura pelo Brasil

Rio teve 11°C, a menor temperatura do ano nesta quarta-feira (27)

País - (Cotidiano) - Quinta, 28 de Maio de 2020 às 07:00 horas.

  Semana promete vários recordes de baixa temperatura pelo Brasil O frio no país começou na madrugada de domingo (24) e pegou muitos desprevenidos. Para a cidade de São Paulo, por exemplo, foi recorde de baixa temperatura para 2020.
Além de São Paulo, as capitais Campo Grande, Cuiabá, e até Rio de Janeiro, também poderão registrar as menores temperaturas de 2020, até a madrugada deste próximo domingo (31).
Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a menor temperatura em todo o país até o momento foi em Campo Grande, com 9,2°C, em 7 de maio.
A forte queda da temperatura é provocada por grande e forte onda de frio que se espalha sobre Brasil nos próximos dias.
Até o fim desta semana, todas as capitais do Sul, do Sudeste, do Centro-Oeste podem estabelecer novas marcas para a menor temperatura em 2020.
Rio tem a temperatura mais baixa do ano nesta quarta-feira (27): 11°C.
Nesta quarta-feira (27), segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), um ciclone avançou pelo sul do país em direção ao litoral da região sudeste trouxe consigo mais ventos gelados na capital fluminense, além de provocar ressaca no mar.
Com isso a previsão do Alerta Rio mostra que com os ventos frios vindos do mar, as temperaturas vão ser praticamente as mesmas durante a semana. Variando entre máxima de 26ºC e 28ºC durante o dia e caindo de maneira mais brusca a noite, e, principalmente de madrugada, ficando entre 13ºC e 16ºC.
De acordo com o Alerta Rio, o transporte de umidade do oceano manterá a nebulosidade variada no Município do Rio de Janeiro até o meio da semana. A cobertura do céu irá variar entre nublado e parcialmente nublada e há previsão de chuva fraca isolada até o final da semana.

Recordes de frio no Sudeste
Devido ao avanço da massa de ar seco e da mudança na direção dos ventos que passam a soprar do quadrante Sul após a passagem da frente fria.
Logo pela manhã, temperaturas abaixo dos 4 °C podem ser registradas nos pontos mais altos de São Paulo (Campos do Jordão), Minas Gerais (Monte Verde, Maria da Fé e Caldas) e Rio de Janeiro (no sul do estado).
Em meio ao recorde da baixa temperatura está a diminuição da imunidade, o que aumenta chances de doenças e dentre elas a gripe.
A gripe é causada por vírus e é altamente infectante, por isso se espalha rápido e devido a pandemia de novo coronavírus , manter a imunidade elevado é necessário.
Como se prevenir?
Algumas medidas podem ajudar a prevenir essas infecções, mesmo com a mudança de temperatura, como:
• Faça atividades físicas regulares, para manter o organismo sempre preparado a qualquer adaptação de temperatura;
• Alimente-se adequadamente para ter todas as vitaminas, minerais e nutrientes em alta;
• Hidrate-se, seja qual for a temperatura;
• Leve sempre um agasalho e guarda-chuva.
O Hospital Proncor explica que, acostumado ao calor, o organismo precisa rapidamente se habituar a temperaturas mais baixas e, com isso, desgasta o sistema imunológico. Isso porque, no frio o organismo trabalha de uma forma, com um gasto energético maior para manter o corpo aquecido. Já no calor, o gasto energético é outro. Quando o organismo passa de uma temperatura a outra, rapidamente, o risco de desenvolver uma infecção ou alergia aumenta. Bronquites e asmas são algumas das infecções comuns, mas também meningites, pneumonias e outras doenças do sistema respiratório e cardíaco.



Por Zeca Lima

Crédito da Foto: Reprodução

Publicidade