Uber incluirá transporte público em seu app

Mundo - (Cotidiano) - Sábado, 02 de Fevereiro de 2019.

Uber incluirá transporte público em seu app

A Uber vai oferecer rotas de transporte público dentro do seu app, como uma opção a mais, além das corridas em carros particulares. A novidade começará pela cidade norte-americana de Denver, onde a empresa se integrou à companhia local de transporte público, a RTD. Depois de informarem o seu destino dentro do app, os usuários terão a opção de clicar em um botão chamado “transporte público”. Aí verão uma lista de rotas possíveis usando os modais de transporte de massa da cidade, com informações de chegadas e partidas em tempo real, assim como as direções para caminhar até as estações. No futuro, será possível comprar os tíquetes de transporte coletivo de Denver dentro do app do Uber.
A visão da empresa é se tornar um “one stop shop” para qualquer tipo de transporte dentro das grandes cidades. A Uber informa que Denver é apenas o primeiro mercado a contar com essa integração, mas não revelou quais serão os próximos.
Os dados utilizados pela Uber para transporte público são fornecidos através da API do Moovit, empresa especializada em big data de transporte coletivo e que está conectada a mais de 7 mil agências de transporte do mundo. O Moovit conta ainda com informações dos seus mais de 350 milhões de usuários, espalhados por 2,7 mil cidades em 88 países.

Análise
A parceria entre Uber e Moovit é um movimento estratégico para ambas as empresas. Para a Uber é um importante passo no sentido de ser uma solução abrangente de transporte, independentemente do meio utilizado. A venda de bilhetes de transporte público representará uma nova fonte de receita. Embora a margem seja baixa, a empresa pode ganhar com o volume. Seu maior desafio, contudo, será a integração com os variados sistemas de tarifação de empresas de transporte público ao redor do mundo.
Para a Moovit, por sua vez, a aliança com a Uber valida o seu modelo de negócios de trabalhar com big data e APIs em transporte público, em vez de monetizar com o usuário final.
Fonte: Mobile Time

Por Redação

Crédito da Foto: Reprodução

Publicidade
728x90
B03 - 300x250