Vereadores de Areal apresentam pedido de abertura de CPI das Vans

Veículos em bom estado foram leiloados

Areal - (Cotidiano) - Terça, 04 de Dezembro de 2018.

Vereadores de Areal apresentam pedido de abertura de CPI das Vans Van modelo 2013 placa LMA-2370

Os vereadores, José Augusto Bernardes (Gutinho), Luiz Antônio Reis (Duga) e Marcos Roberto de Paula (Marquinho da Saúde), apresentaram na reunião ordinária da Câmara Municipal de Areal, que ocorreu na noite de ontem (3), um pedido de abertura de comissão parlamentar de inquérito (CPI das Vans).

Segundo os vereadores, no dia 8 de novembro deste ano foi realizado no pátio do antigo DNER em Areal, um leilão de veículos pertencentes ao poder executivo municipal, onde os edis constataram que ao menos dois veículos estavam em aparente condições de uso, precisando apenas de pequenos reparos, o que não justificaria que fossem leiloados.

No pedido de abertura da CPI, é relatado que as Vans leiloadas, a de placa LMA-2370 foi arrematada por R$ 39 mil e a de placa LRE-9022 por R$ 25 mil, haviam sido doadas pelo Governo do Estado para serem utilizadas no transporte de pacientes, serviço que o município tem enorme dificuldade para prestar.

Atualmente o serviço é realizado de forma terceirizada, pagando aproximadamente mil reais por dia, por cada veículo alugado, para viagens à cidade do Rio de Janeiro, chegando a um total de mais de R$ 20 mil por mês. Tal contrato existe desde o ano de 2016, resultando em uma despesa fixa permanente.

De acordo com o documento apresentado pelos vereadores, consta no edital da contratação, que as Vans deveriam possuir bancos reclináveis, cortinas individuais, capas higiênicas, tela de DVD e sofá cama para pacientes debilitados, porém nada disto é ofertado no serviço contratado.

Outra questão levantada pelos vereadores é quanto ao procedimento para aquisição de veículos, justamente para serem utilizados no serviço de transporte de pacientes, porém, estes procedimentos encontram-se parados no município, sem aparente explicação, pelo menos desde o dia 12 de abril de 2018.

Tratam-se de emendas impositivas, destinadas por diferentes parlamentares do Estado, não só para o município de Areal, bem como para as cidades de Três Rios, Paraíba do Sul, Levy Gasparian, Sapucaia e tantas outras, cidades estas, que já as executaram e adquiriram diferentes veículos.

“É nosso dever fiscalizar os atos do poder executivo e exercer o controle externo de suas atividades de gestão, por isso julgamos necessárioque haja uma investigação por parte desta casa para verificar se houve omissão e/ou negligência por parte do gestor municipal na defesa dos bens da administração pública, configurando ato de improbidade administrativa”, explicaram os vereadores.

Até o fechamento desta edição ainda não havia sido definido se a votação, para aceitar ou não o pedido da CPI das Vans, seria feito durante a reunião de segunda-feira (3) ou marcada para outra data.

Por Redação

Publicidade
200 produtos com 50OFF -  468x60
AMARO 300x250_2